Avião com 103 pessoas cai no México e todos sobrevivem

Aviao estava decolando no Aeroporto de Durango, quando caiu. (Foto:: Reprodução do site do jornal Durango/Mérco)

Um avião da companhia Aeroméxico, modelo Embraer 190, caiu cinco minutos após decolar da cidade de Durango, na região central do México. Segundo informou o governador do estado, José Ramón Aispuro pelo Twitter, não há mortes.

De acordo com o governo mexicano, a aeronave levava 99 passageiros – entre eles dois menores – e quatro membros da tripulação. As primeiras informações, contudo, davam conta de que eram apenas 97 passageiros.

O governador do estado de Durango, Jose Aispuro, disse a jornalistas que o avião abortou a decolagem devido ao mau tempo. A aeronave, então, teria varado a pista e se incendiado. Não se sabe, porém, se o Embraer chegou ou não a sair do solo, ainda na pista.

A aeronave, que fazia a rota entre Durango e a Cidade do México, caiu por volta das 16h locais (18h em Brasília) pouco depois de decolar do Aeroporto Guadalupe Victoria de Durango.

Equipes de emergência foram ao local do acidente para resgatar as vítimas e apagar o fogo que começou depois da queda. A imprensa local afirma que alguns passageiros conseguiram sair da aeronave sozinhos e caminharam até uma estrada próxima..

Se confirma que no hubo fallecidos en el accidente del vuelo #AM2431. En estos momentos se encuentra parte del Gabinete, encabezado por la Coordinadora @RosarioCastroL, para atender a los lesionados y cooperar con las autoridades del aeropuerto en la atención de éste suceso.

— José R. Aispuro T. (@AispuroDurango) 31 de julho de 2018

COMPARTILHAR